Fale Conosco

Uma cadela que vivia pelas ruas da cidade de Patos, Sertão paraibano, foi encontrada mortas com sinais de pauladas na manhã desse domingo (03). O animal era cuidado por moradores da rua Rua Severino Soares, no bairro Jardim Guanabara e foi castrada há cerca de 20 dias por iniciativa da organização não-governamental, Adota Patos.

Os protetores de animais estão revoltados com a morte da cadelinha Mariah, pois era bastante dócil e havia se adaptado bem após a cirurgia para evitar procriação. Mariah sempre foi vista nas proximidades da Unidade Básica de Saúde Ana Raquel e os moradores lamentaram a notícia.

Um dos moradores chegou a fazer postagens nas redes sociais, sobre o fato. “…não podemos mais aceitar tantas violências aos animais indefesos. Alguma coisa tem que ser feito! Urgente!”.

A morte de Mariah causou muita indignação entre os protetores de animais da cidade de Patos. Os cidadãos relatam que casos de agressões e morte de animais vem crescendo sem que aconteçam punição para os culpados.

Diário do Sertão