Fale Conosco

O presidente do Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB), conselheiro André Carlo, e o novo prefeito de Bayeux, Luiz Antônio (PSDB), se reuniram ontem para discutir o acompanhamento do Tribunal, que vai auxiliar o gestor na reorganização das contas públicas do município.

Segundo o prefeito, a escolha do novo secretariado para compor a gestão será feita em um prazo de 48 horas. A auditoria do TCE para analisar as contas do prefeito afastado de Bayeux, Berg Lima (Podemos), teve início ontem.

O conselheiro André Carlo explicou que a diligência já estava programada pra acontecer há algumas semanas, pois o Tribunal já havia emitido umas meia dúzia de alertas à Prefeitura Municipal de Bayeux. “A antecipação aconteceu para contribuir com a gestão do novo prefeito Luiz Antônio”, disse André Carlo.

A auditoria será no âmbito financeiro, contábil e deve ser realizada até o fim da semana. Até a quarta-feira o TCE deverá realizar uma visita ao município para dar continuidade às investigações.

A atuação da Direção de Auditoria de Fiscalização do TCE para a análise contábil, financeira e orçamentária da Prefeitura de Bayeux foi determinada pelo órgão, após prisão do prefeito de Bayeux, Berg Lima (Podemos).

 

Fonte: PBAgora