Fale Conosco

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), as rodovias federais da Paraíba não registram bloqueios nesta segunda-feira (01), apesar do anúncio de paralisação e protesto dos caminhoneiros.

A PRF informou que está com equipes de fiscalização em pontos estratégicos das rodovias federais. Ainda de acordo com a PRF, há relatos de protestos em algumas estradas, mas em via paralela à BR, sem qualquer interdição.

De acordo com Albério Lima, uma das lideranças da categoria dos caminhoneiros no Estado, o bloqueio de caminhões aconteceria a partir da meia noite deste domingo, na Gauchinha, BR 101, próximo ao Posto Pichilau e a partir das 6 horas da manhã, na BR 104, próximo ao cemitério Campo da Paz, em Campina Grande.

A decisão de promover a greve foi tomada no dia 15 de dezembro do ano passado, em assembleia geral extraordinária do Conselho Nacional do Transporte Rodoviário de Cargas (CNTRC). O conselho reúne 40 mil caminhoneiros em São Paulo e tem afiliados em outros estados. Mas, como são várias as entidades que representam a categoria, ainda não se sabe que tamanho terá a mobilização.

A categoria reivindica melhores condições de trabalho, protesta contra o aumento do preço do combustível, pela falta de cumprimento às promessas acerca do piso nacional do frete, o marco regulatório do transporte marítimo (BR do Mar) e cobra direito a aposentadoria especial, entre outras pautas.