Fale Conosco

Alguém mais displicente ou ingênuo por aí pode até estranhar o fato de o senador Raimundo Lira ter votado contra os trabalhadores nesse pacote de arrocho fiscal que o governo mandou para o Congresso, eu não.

Lira, como se sabe, não foi eleito pelo voto do povo e pegou carona na renúncia de Vital para ascender de uma hora para outra a condição de senador.

Eu ficaria surpreso se Lira votasse contra os interesses da Auto Latina, o poderoso conglomerado que fabrica automóveis em São Paulo, mas votar contra quem ele nem tem coragem de apertar a mão, acho normal.

Afinal, a quem na Paraíba Raimundo Lira deve satisfação para ter que justificar no que está votando ou deixando de votar no Senado? Absolutamente ninguém, pois não assumiu nenhum compromisso com o eleitorado.

Outra coisa que deixa o mega empresário e senador Raimundo Lira muito a vontade para desdenhar do trabalhador e da população do estado onde nasceu é que nem candidato a reeleição ele é.

Sabe o que devemos esperar de Lira? Que ao menos compareça as sessões do Senado, mesmo entendendo o “esforço” que terá que fazer para se deslocar de Miami para Brasília toda semana.