Fale Conosco

Em uma tarde de muita emoção e expectativa, os alunos do projeto Ação Social pela Música de João Pessoa fizeram nesta quarta-feira (4), no Centro Cultural de Mangabeira, uma prévia da apresentação que vão fazer neste domingo (8), no Theatro Municipal de São Paulo, na abertura do concerto da Orquestra Bachiana Filarmônica, regida pelo maestro João Carlos Martins.

O programa da apresentação desta quarta-feira foi exatamente o mesmo que será executado na capital paulista. Regidos pelos maestros Samuel Galvez Espinosa e Hector Rossi, coordenadores das unidades de Mangabeira e Alto do Mateus, respectivamente, eles interpretaram músicas como “Games of Thrones” (Ramin Djawadi), “The Avengers” (Alain Silvestri), “No Reino da Pedra Verde” (Clóvis Pereira), dentre outras composições.

Os 42 alunos do projeto Ação Social pela Música de João Pessoa – 14 da unidade Alto do Mateus e 28 da unidade Mangabeira – mostraram aos familiares e à comunidade o resultado dos ensaios das últimas semanas e emocionaram o público presente.

Expectativa – Enquanto ensaiam para a apresentação na capital paulista, os alunos e familiares vivem a expectativa para o grande dia, como afirma Carlos Eduardo Carvalho, que estuda viola na unidade de Mangabeira. “Estou muito ansioso para, junto com meus amigos, representar minha cidade em um dos maiores palcos da música clássica, que é o Theatro Municipal de São Paulo”, contou.

Para Aline de Souza, mãe de Ananda, que estuda violino na unidade de Mangabeira, o domingo (8), dia do concerto em São Paulo, está sendo aguardado com muita ansiedade. “É motivo de muito orgulho para mim e para minha família. Está sendo muito esperado, pois não imaginávamos que em pouco tempo de estudo ela teria oportunidade de se apresentar nesse teatro”, comemorou.

O concerto em São Paulo – Os alunos foram convidados para tocar no Theatro Municipal de São Paulo pelo próprio maestro João Carlos Martins, quando esteve em João Pessoa como convidado especial da 6ª edição do Festival Internacional de Música Clássica, em 2018. Na ocasião, ele visitou as unidades do projeto em Mangabeira e Alto do Mateus e, regendo as orquestras, ficou encantado com o trabalho desenvolvido nas unidades que conheceu.

Todas as crianças e adolescentes viajam para São Paulo com autorização dos pais e da Vara da Infância e Juventude, na companhia de coordenadores, professores e membros da equipe de apoio, os quais serão uma espécie de monitores de pequenos grupos de alunos, com o objetivo de dar mais segurança nos deslocamentos nos aeroportos, restaurantes e passeios culturais que serão realizados.

Ação Social pela Música – O projeto é mantido integralmente pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), através de sua Fundação Cultural (Funjope), atendendo crianças e adolescentes com idade de 6 a 16 anos, aliando o ensino da música à educação formal, num sistema de jornada complementar à escola.

O projeto Ação Social pela Música funciona em João Pessoa desde 2015 e atende atualmente cerca de 300 crianças nas quatro unidades da Capital. Além das aulas práticas e teóricas de segunda à sexta-feira, das 13h às 17h, os alunos têm aulas de reforço escolar (Português e Matemática).

Na Unidade 1 (Alto do Mateus) e na Unidade 2 (Mangabeira) os alunos aprendem a tocar instrumentos de corda (violino, viola, violoncelo e contrabaixo). Já na Unidade 3 (Gervásio Maia), estudam flauta doce, e na unidade 4 (Bairro dos Novais), estudam metais (trompete, trombone, tuba e trompa).