Fale Conosco

EXCLUSIVO – Das duas, uma: ou o prefeito Luciano “maluquinho” Agra tem duas caras ou está sendo traído pelos seus auxiliares.

Em Brasília ele esteve com o ministro da Defesa, Nelson Jobim, e a este pediu intermediação para pacificar a querela com o Aeroclube, inclusive se dispondo a reconstruir a pista destruída naquela noite de juizo frouxo.

Agora vem a notícia de que ontem os secretários Estelizabel e Urquiza se juntaram com a vereadora Sandra Marrocos e numa reunião aloprada lá no colégio Alice Carneiro, em Manaíra, propuseram a invasão do terreno do Aeroclube.

O detalhe é que quem estava na plenária eram os moradores do Bairro São José e a eles foi apresentado o projeto de um Parque que poderia ser construido onde hoje mora a comunidade ribeirinha e, sem nenhum arrodeio, foi proposto que eles se organizassem para invadir o terreno do Aeroclube.

Entenderam o que os auxiliares de confiança de Agra querem provocar? 

Querem jogar duas comunidades contra o Aeroclube e assim justificar a retirada na pressão popular já que na justiça tá difícil. Os moradores do São José invadem o Aeroclube  e os moradores do Bessa exigem a retirada deles e do Aeroclube de lá.

Com esta atitude exposta em público ontem a equipe de Agra fere inclusive a decisão da juíza federal Cristina Garcez, que determinou que a PMJP não proceda qualquer manifestação contra o patrimônio em questão enquanto o caso estiver sub judice.

Não quero aqui dizer que sou contra a instalação de um Parque onde hoje é o São José, muito pelo contrário, fomos nós quem propusemos aqui esta idéia.

Só que aquela comunidade tem que ser relocada para um lugar digno e não ser insulflada em uma aventura ilegal.

Parece que Agra e sua turma não se emendam.