Fale Conosco

Em sessão ordinária desta quinta-feira, dia 20 de novembro, no plenáriodo Tribunal Regional Eleitoral, o advogado eleitoralista, Marcos Antônio Souto Maior Filho, fora nomeado juíz pela presidenta Dilma Rousseff e, imediata posse na sessão ordinária, sob a presidência do desembargador Saulo Henriques de Sá e Benevides, com a presença dos desembargadores, juízes federais, procurador regional eleitoral, advogados militantes e servidores.

O mais novo membro do TRE/PB foi conduzido pelos membros: desembargador João Alves e o juiz Dr. Breno Wanderley prestando compromisso formal perante a corteeleitoral paraibana e, finalmente, o termo de posse. Coube também ao juiz eleitoral Wanderley, usar da apalavra em nome do tribunal, apresentando as boas vindas ao mais novo integrante do tribunal eleitoral da Paraíba, destacando ser advogado militante, professor universitário e um jovem determinado e inteligente.

Na sequência, coube ao Procurador Regional Eleitoral, Dr. Rodolfo Alves Silva fazer as vezes do Ministério Público Federal para também sustentar o currículo do empossado. Finalmente, o desembargador Saulo Benevides, louvor pela simplicidade do empossado escolhendo sua posse sem festividades, e assegurou que é autor de livro de Direito Eleitoral, professor universitário e advogado militante, o qual poderá trazer novos subsídios para as decisões do TRE paraibano.

 Por sua vez, o novel juiz eleitoral suplente do TRE/PB ressaltou: “Chego humildemente nesta corte eleitoral como aprendiz! Defenderei a Constituição e o cumprimento da lei na intransigente luta por eleições limpas e afastadas da corrupção. O momento é para repensar as normas e garantir uma profunda reforma eleitoral. Neste ponto, cabe ao Poder Legislativo escutar a voz do povo!”.

Ante a ausência justificada do juiz eleitoral Silvio Porto Filho, o presidente, desembargador Saulo Benevides pediu ao juiz suplente Marcos Souto MaiorFilho para ter assento na Corte até o final da sessão ordinária.

PBAgora