Fale Conosco

O escritório de advocacia Bernardo Vidal tem uma relação estreita com o PSB e na sua tesouraria contabiliza quase três milhões de reais, desde a época em que Ricardo Coutinho era prefeito.

O escritório legalmente oferece “consultoria jurídica” para todo tipo de operação e a maioria das atividades a própria procuradoria poderia desempenhar.

Saber como a Bernardo Vidal atravessou o caminho das gestões RC na Prefeitura de João Pessoa e no Governo do Estado será uma das linhas de investigação que o MP terá que adotar para desvendar o mistério.

A Bernardo Vidal tá enrascada numa auditoria do TCE de Pernambuco e chegou a ser acusada de aplicar “um golpe de estelionato” na Prefeitura de Santa Cruz de Capibaribe.

Mas, fica a pergunta, quem tem intimidade com a Bernardo Vidal na Paraíba?

Falo de laços estreitos, alguém que estudou com um dos sócios na UEPB e que era procurador geral da Prefeitura na época do primeiro contrato e hoje é procurador geral do Estado e que tem o nome na lista apreendida na operação policial como um dos beneficiados do propinoduto com a quantia de 28 mil reais.

Acertou quem disse Gilberto Carneiro.